As Sensações e Perigos do LSD

As Sensações e Perigos do LSD

O LSD é um alucinógeno que provoca grandes alterações cerebrais. Sua popularidade teve ápice nos anos 60, quando consumida por artistas. Na época  o “Dietilamida Ácido Lisérgico” (LSD) ainda não era visto como uma droga, mas logo passou a ser, quando sua popularidade ultrapassou o estado de órbita, e passaram a ser observadas psicoses e alucinações fortes em seus usuários.

A droga provoca muitas sensações além das alucinógenas podem ocorrem náuseas, aumento de temperatura corpórea, confusões psíquicas, como pensamentos descontrolados e por consequência disso uma dificuldade de concentração, euforia misturada com uma certa angústia, entre outras consequências que podem surgir de acordo com o uso e a qualidade da droga e personalidade de casa pessoa.

As Sensações e Perigos do LSD
As Sensações e Perigos do LSD

Seu perigo maior está em um possível flash-back,  que nada mais é que as sensações provocadas pelo LSD sem o uso do mesmo. Isso pode ocorrer semanas, meses ou anos após o uso da droga e a pessoa pode ter a sensação de delírio e acarretar em problemas psicológicos. Além dos flash-backs, os bad trips podem ocorrer também. Bad trips são sensações muito negativas após o uso da droga. Isso ocorre pois o LSD potencializa as emoções da pessoa e caso essas emoções sejam negativas, as mesmas são potencializadas em medo, pavor e alucinações perturbadoras.

O que é o LSD

A Dietilamida do ácido Lisérgico é sintetizado da cravagem do fungo do centeio.  Foi descoberto pelo químico suíço Albert Hofmann, quando  o mesmo pesquisava substâncias da ergolina, um composto químico que ajudaria a estancar o sangramento pós parto. Segundo publicações científicas  o Dr Albert Hofmann após o contínuo manuseio de substâncias químicas teve uma quantidade pequena de LSD absorvida pela pele, assim sentido os primeiros efeitos alucinógenos da droga. Após essa descoberta, vislumbrou-se muitas possibilidades psiquiátricas para o LSD, porém, o tempo mostrou que a droga não ajudou muito nas pesquisas.

 

Infelizmente, nos dias modernos o LSD tem sido usado por muitos jovens e adolescentes em lugares sociais, de forma oral, injetável ou podendo ser ainda inalada. Esses grupos de jovens buscam experiências novas, sensações diferentes, que muitas vezes podem ocasionar problemas psíquicos sérios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *