Internação Involuntária

Internação Involuntária

Internação Involuntária

Quando você tem um ente querido que está lutando contra o abuso de substâncias, provavelmente faria qualquer coisa para conseguir ajuda para um tratamento dependência química. O Instituto Nacional de Abuso de Drogas relata que até 23,9 milhões de pessoas precisam de serviços de abuso de substâncias, mas apenas 2,6 milhões, ou cerca de 11 por cento, realmente recebem ajuda.

Desde que as overdoses fatais quase triplicaram neste país entre 1999 e 2014, as famílias e os reguladores procuram tomar medidas desesperadas para manter vivas as pessoas afetadas por esta crise. Uma das maneiras de fazer isso é por meio de leis de internação e tratamento involuntário.

Muitas famílias vivem com a constante ameaça de morte prematura devido a dependência química. É normal que os entes queridos se encontrem tentando desesperadamente colocar o dependente químico em tratamento . Embora o tratamento possa parecer um acéfalo para a maioria das pessoas que olham de fora, é difícil levar alguém que não acredita ter um problema – ou não quer ajuda – para a reabilitação. As leis que cercam o tratamento do abuso involuntário de substâncias variam amplamente de estado para estado e é um assunto de debate contínuo.

Evidências científicas sobre a dependência química

Há uma variedade de pesquisas em andamento no Brasil relacionadas a dependência química. Os resultados de muitos desses estudos mostram que as vias cerebrais necessárias para ajudar a tomar decisões positivas para a saúde e o bem-estar de uma pessoa são as mesmas redes neurais interrompidas pela dependência química. O abuso de substâncias altera as habilidades cognitivas relacionadas à força de vontade, controle de impulso e tomada de decisão.

Esse conhecimento sobre o processo de dependência química pode mudar as leis associadas à internação involuntária em clinicas de reabilitação, o que daria às famílias uma nova opção para ajudar seus entes queridos. Em muitos casos, o viciado está sob a influência de drogas, por isso não consegue pensar com clareza.

Internação Involuntária ou Internação Compulsória é a prática de utilizar meios ou formas legais para internar uma pessoa que seja um perigo para si próprio ou para outras pessoas em uma Clínica ou Hospital, mesmo contra a sua vontade ou sob os seus protestos, para realização de um tratamento.

A internação involuntária é um procedimento planejado e seguro para interromper o progresso destrutivo atravessado por quem sofre com os vícios causados pela bebida e as drogas. A decisão dos responsáveis e/ou familiares em intervir urgentemente é fundamental para que o dependente químico ou alcoólatra possa sair da situação crítica em que se encontra e volte a viver em harmonia com a família e os amigos, com sua autoestima elevada, podendo viver em sociedade, ou seja, construir uma nova história de vida.

Na Clínica de recuperação Saúde Premium, trabalhamos na total legalidade. De acordo com a Lei 10.216, de 6 de abril de 2001, nossos profissionais são orientados sobre os procedimentos corretos ao realizar a internação para o tratamento involuntário.

Nosso médico psiquiatra realiza a comunicação ao Ministério Público Estadual no início do tratamento do paciente em até 72 horas.

O QUE É PRECISO SABER SOBRE INTERNAÇÃO INVOLUNTÁRIA

Quando você, familiar, decide por realizar a internação involuntária de um ente querido, o próximo passo é buscar clínicas que fazem o resgate, a internação e o tratamento, normalmente o maior fator decisão é o custo, infelizmente. Poucas famílias se atentam para fatores extremamente importantes, como a documentação e registros da clínica que autorizam o procedimento para esta forma de internação.

Então, exija da instituição que busca os seguintes documentos:

Documentos para Internação Involuntária

 

 

Se você ou alguém de quem você gosta está lidando com problemas relacionados acha que a Internação Involuntária pode ser parte da solução, você precisa entrar em contato com nossos médicos e clínicos hoje mesmo. Nossa equipe atenciosa e altamente treinada está disponível para conversar 24 horas por dia, 7 dias por semana. Ligue para: 15 98175-1505


 

Curta e Compartilhe